Sesc SP

Deficit

A atividade pretende abordar, pela perspectiva da área de fonoaudiologia, sinais e sintomas observáveis em estudantes que apresentam dificuldades nas habilidades auditivas e algumas possibilidades de tratamento. Estudantes que apresentam DPAC (déficit do processamento auditivo central) podem beneficiar-se do diagnóstico e intervenções clínicas e pedagógicas. O fonoaudiólogo, equipes escolares e familiares podem desenvolver estratégias que contemplem as necessidades destas crianças, contribuindo para que superem tais dificuldades auditivas.  Durante o encontro serão abordadas questões como a identificação de tais dificuldades, os achados neurobiológicos relacionados a esse déficit e seus prognósticos.

Patrícia Cristina Andrade Pereira, fonoaudióloga bilíngue e doutora em Ciências pela Faculdade de Saúde Pública da USP. Técnica de inclusão e consultora em acessibilidade. Pesquisadora da área da surdez e contextos de saúde. Coordenadora pedagógica do GELCS - Grupo de Estudos em Libras e Cultura Surda na USP.

Retirada de ingressos na Central de Atendimento, 30 minutos antes do início.

Local: sala de atividades 4, 6º andar da torre A.

(Foto: Divulgação)

Ações para a Cidadania

Conversas Educadoras: Déficit de Processamento Auditivo Elementos para compreendê-lo e práticas educativas 16

Essa atividade aconteceu em 31/08/2019 no Sesc Vila Mariana.

Mas nossa programação não para!
Quer fazer uma nova busca?
Clique em Programação e fique por dentro de tudo o que está acontecendo nas Unidades do Sesc em São Paulo