Sesc SP

Matérias do mês

Postado em

A necessidade do movimento

Foto: Cacá Bernardes
Foto: Cacá Bernardes

Com três apresentações no Sesc São José dos Campos, espetáculo apresenta a dramaturgia de Heiner Müller

A peça Quem não sabe mais quem é, o que é e onde está, precisa se mexer é uma fusão da dramaturgia alemã com a linguagem da Cia. São Jorge de Variedades.

A ação começa nas ruas da cidade. Em um cortejo despretensioso, os três atores da Cia. São Jorge de Variedades aparecem de pontos diferentes, cada um com uma proposta de revolução, e caminham chamando o público para o espetáculo.

O cenário, onde o discurso de Heiner Müller é todo transformado em situações muito próximas do público, é um pequeno apartamento, com cenografia de Rogério Tarifa.

"Os textos de Müller recontam a história de personagens teatrais arquétipos como Hamlet e Medeia. Buscamos criar, de maneira metafórica, num apartamento, nossos mecanismos cotidianos, seus aspectos positivos e negativos, e tentamos revelar alguns mitos e forças que permeiam nossa rebeldia, tédio e esperança de um mundo melhor", diz Georgette Fadel, que assume a direção do espetáculo.

Em suma, Quem não sabe mais que é, o que é e onde está, precisa se mexer promete uma reflexão nas palavras de Rosa Luxembugo: "quem não se mexe, não sente as grades que o aprisionam". É um convite ao movimento, à alegria de buscar novas construções.

 

 

Oficina de Teatro

Nos dias 23 e 24, a Cia e seus atores também propõem a oficina O artista e seu ManifestoAção, abordando o processo de criação da peça. A atividade é gratuita, com vagas limitadas.

Foto: Cacá Bernardes

 

Sobre Heiner Müller

Nascido em Eppendorf, Saxônia, em 1929, o dramaturgo, poeta e diretor de teatro teve sua marca e rebeldia particulares, apesar de seu papel na história do teatro como a continuidade da modernidade idealizada por Baudelaire, Kant, Artaud e Brecht. Começa sua carreira em Leipzig, com O Achatador de Salários, em 1957. Até ser eleito presidente da Academia de Artes em Berlim Oriental, em 1990, trabalhou nos teatros Maxim Gorki , Berliner Ensemble e Volksbühne e estreou outras peças. Durante sua carreira recebeu vários prêmios, como o Heinrich Mann, em 1959, com Inge Müller, e o Kleist, em 1990.

 

o que: Quem não sabe mais quem é, o que é e onde está, precisa se mexer
quando:

23 a 25/jan

onde: Sesc São José dos Campos
ingressos:

R$ 5,00 a R$ 17,00

 

o que: O Artista e seu ManifestoAção
quando:

23 e 24/jan

onde: Sesc São José dos Campos
ingressos:

grátis

 

Outras programações