Sesc SP

Matérias do mês

Postado em

Cine Chaparral recria nostalgia do cine drive-in

Cine Chaparral<br>Foto: Divulgação
Cine Chaparral
Foto: Divulgação

Os famosos autocines inspiraram a programação que acontece no Sesc Osasco nos dias 8, 9 e 10 de agosto. O Cine Chaparral irá recriar toda a ambientação das décadas de 60 e 70 e proporcionar ao público a sensação de voltar no tempo e estar dentro de um autêntico cine drive-in

A seguir, você pode assistir a depoimentos das pessoas que participaram da atividade:

A história do Cine drive in começa em 1932, quando a mãe do americano Richard Hollingshead reclamou dos desconfortáveis assentos de cinema para pessoas acima do peso. Para solucionar o problema ele criou o cinema drive-in como conhecemos hoje. Amarrou um lençol em duas árvores para servir de tela e, com um projetor Kodak 1928, exibiu um filme enquanto a mãe estava dentro de seu próprio carro.

Em 1933, já com a ideia patenteada, Richard fundou o primeiro cine drive-in com a exibição da comédia de Fred Niblo, Wives Beware, e o slogan “Toda família é bem-vinda, independente de quanto às crianças são barulhentas”.

No Brasil, a ideia chegou em 1968 trazida pelo piloto de fórmula 1, Eduardo Celidônio, que conheceu esse modelo de cinema dois anos antes em uma viagem aos Estados Unidos. Celidônio, preferia usar o termo autocine para definir o Snob’s, que ficava na Avenida Santo Amaro e foi o pioneiro da cidade de São Paulo, com capacidade para 260 carros; funcionou até 1990.

Seguindo o sucesso do Snob’s, Mário Paes da Fonseca abriu o Moon Auto Cine, em 1970, que ficava na Avenida Interlagos (São Paulo)  e que em 1976 virou o Motel Auto Moon, funcionando até 1980.

Em 1971 surgiu no país um dos mais famosos cine drive in’s, o Chaparral. Parceria inicial dos amigos José Sante Ciongoli e Nuncio Basile, ficava no número 2000 da Avenida Condessa Elizabeth Robiano (Marginal Tietê, no bairro da Penha, São Paulo).  O Chaparral teve um curto período de funcionamento, durou apenas 3 anos, funcionando até 1974.

Atualmente, o último cinema a céu aberto que funciona em nosso país é o Cine Drive-In, localizado em Brasília. Aberto no ano de 1973, é um dos marcos históricos para os cinéfilos. Possui uma tela de 312 metros quadrados, e uma torre de som com a transmissão de rádio FM.

Estes famosos autocines inspiraram a programação que acontece no Sesc Osasco nos dias 8, 9 e 10 de agosto o Cine Chaparral irá recriar toda a ambientação das décadas de 60 e 70 e proporcionar ao público a sensação de voltar no tempo e estar dentro de um autêntico cine drive-in.

O filme que abre a programação é o longa Hoje, com direção da cineasta paulistana Tata Amaral e protagonizado por Denise Fraga e Cesar Troncoso. O filme narra a história de uma ex-militante política que recebe indenização do governo brasileiro pelo desaparecimento do marido, vítima da repressão desencadeada pela ditadura militar brasileira (1964-1985). Ela recebe uma visita inesperada que mudará sua vida.

No dia 8, será exibido o clássico Quanto mais quente melhor, dirigido por Billy Wilder, conta com atuações de Marilyn Monroe, Tony Curtis e Jack Lemmon. O filme recebeu cinco indicações ao oscar em 1960, nas categorias de melhor diretor, melhor ator (Jack Lemmon), melhor direção de arte - preto e branco, melhor fotografia - preto e branco e melhor roteiro adaptado.

A invenção de Hugo Cabret, com direção de Martin Scorsese, encerra a programação no dia 9. O filme narra a história de um garoto na Paris dos anos 30, que vive escondido na estação de trem, e guarda consigo um robô quebrado deixado por seu pai. Ao lado de sua amiga Isabelle, ele irá tentar resolver um mistério mágico.

A seguir, você pode assistir a uma vinheta feita para divulgar a atividade:

 

o que: Cine Chaparral (Cine Drive In)
quando:

de 8 a 10/agosto

onde:

Sesc Osasco

 

Outras programações