Sesc SP

Matérias do mês

Postado em

Dez programações on-line pra curtir o aniversário de Rio Preto em casa

Ensaio fotográfico
Ensaio fotográfico "muito além da janela" de Rosi Caires. Exposição virtual "Vista Cultural".

Nem parece, mas lá se foram 12 meses de intensa programação on-line nas redes do Sesc Rio Preto. Desde o dia em que anunciamos a suspensão do atendimento presencial, nossa programação vem se reinventando e experimentando novos formatos e linguagens, num trabalho coletivo que, até o momento, já envolveu mais de 300 artistas e profissionais de Rio Preto e região. Os efeitos dessa ultramaratona cultural podem ser conferidos nas mais de 800 atividades que publicamos nas nossas redes. 

É tanta coisa, que fica até difícil de contar! Pra se ter uma ideia, no Facebook, os mais de 400 posts realizados nesse período já ultrapassam 2 mil horas de vídeo. O resultado de todo esse esforço? 1,3 milhão de visualizações! O YouTube, então, deu show. Com 226 lives e mais de 250 vídeos publicados, nosso canal já soma 7.800 horas de conteúdos assistidos. Legal, né? 

E já que o aniversário da cidade chegou num período em que a gente precisa ficar em casa pra cuidar da saúde de todos, preparamos uma coletânea com 10 projetos que fizeram sucesso nos nossos feeds para comemorar os 169 anos de Rio Preto com arte, cultura e esporte. Tem pra todos os gostos e idades. Confira, clique e aproveite! 

 

LITERATURA 

Diários da Quarentena”: uma coletânea digital de textos de diversos gêneros, que refletem a experiência criativa de  24 escritores da cidade e da região no período de isolamento social. Entre os convidados, estão os escritores Graziela Delalibera, Daniel Garcia Rodrigues, Raul Marques, Danilo Ferras e Ayla Farias. 

 

ARTES VISUAIS

A Vida não Para”: foram convidados fotógrafos de Rio Preto para registrarem as cenas desta nova realidade de isolamento social. Nomes como Guilherme Di Curzio, Jorge Etecheber, Milena Áurea, Rosi Caires e Victor Natureza contribuíram para este olhar sobre a cidade.  

A Vida não Para"quimérico", por Guilherme Di Curzio.

 

Vista Cultural”: artistas locais produziram intervenções urbanas em muros, janelas, calçadas e portões, com o objetivo de mostrar como a arte colore a realidade, tornando-se um refúgio para este momento de isolamento social. O projeto contou com o olhar de 13 artistas da cidade, como Guto Silva, Cristiane de Freitas, Flávio Vanci e Laura Barbeiro, entre outros, e recebeu uma galeria de fotos nas redes sociais, somada a um vídeo curto com o making of da obra, além de um mapa com a localização da obra. 

 

CINEMA

Quadro a Quadro”: convidados apresentaram leituras críticas de filmes que estão disponíveis gratuitamente em plataformas digitais. As críticas contaram com a participação do ator e jornalista Harlem Felix, da pedagoga Juliana dos Santos Costa, da professora e mestre em Letras Karina Espúrio, da jornalista Vivian Lima, do professor Wade Pereira, de Marcio Scheel, professor de teoria literária, da jornalista escritora Graziela Delalibera, do web designer e ativista político Darok Viana, do Prof. doutor em Literatura Portuguesa Orlando Amorim, da professora Ana Karina, entre outros profissionais da cidade.

 

MÚSICA

Autorais”: compositores apresentam suas composições autorais. Integram a programação artistas como André Madi, Carlos Alecrim, Esdras Nunes, Mariana Carvalho, Soledad, Ananda, Eduardo Coleone, Mc Gra, Lucas Rocha, Taroba, entre outros.

 

CRIANÇAS 

Artes para Crianças”: as famílias podem encontrar diversas contações de histórias, interpretadas por artistas como Rosangela Ribeiro, Lili Café e Murilo Gussi. Além de dicas de oficinas de brinquedos como pé de lata, brincadeiras com barbantes e rabo de gato. Outro destaque da programação infantil foi a gravação de shows com grupos da cidade como Kombinados, que trouxeram canções em vários ritmos e diferentes estilos, além de cantigas de roda, o show Severina para Crianças, a apresentação do grupo "A Bandinha", formado por Renata Ortunho, Junior Muelas e Lucas Rocha e o show "Baú da Mamãe", com a artista Gabi Livon.

 

TEATRO 

 “Dramaturgias do Habitat”: contou com textos teatrais de cinco autores da cidade que ressignificaram os espaços característicos de uma casa, como quarto, sala, corredor e banheiro, durante o período de pandemia. Para o projeto, foram convidados artistas da região como o ator e diretor Tiago Mariusso, o dramaturgo e diretor da Companhia Hecatombe de Teatro, Homero Ferreira, além do escritor, performer e dramaturgo Tauã Teixeira, do diretor e dramaturgo Isaac Ruy e da diretora Simone Sallas.

 

  

DANÇA  

Com que música eu danço?”: envolveu bailarinos e instrumentistas locais. A proposta era que cada artista criasse separadamente a trilha sonora para uma coreografia pré-concebida e registrada sem qualquer intervenção musical. Ao final do processo, dois exemplares de videodança trouxeram diferentes percepções para a expressão do coreógrafo ou coreógrafa, traduzidas em notas musicais. Integraram o projeto artistas como Andrea Capelli Frank Tavanti, Jéssica Paladino e Vinícius Francês, na dança contemporânea; Ester Carvalho no estilo free style e Valcir Fox com o passinho anos 80/90; além dos músicos João Liossi, Pedro Baldan, Pedro Fogaça, Montanha, Andressa Maria e Sávio D’Agostinho, Jr Muelas, Gabi Livion e Fabien a Porte, Fábio Caldeira, Thaís Schin e dos Dj’s Henrique Cass, Viny Duarte e Cláudio Garayeb.

 

DIVERSIDADE CULTURAL

Outras Histórias”: a série de vídeos buscou resgatar e divulgar biografias de personalidades importantes para a cultura brasileira que foram esquecidas ou apagadas pela história oficial. Os vídeos foram apresentados por mulheres negras brasileiras que desenvolveram trabalhos artísticos, culturais, intelectuais e de ativismo social e contaram com a colaboração de Silvia Negra, Edy Nascimento, Juliana Moreira, Olívia Justo, Neusa Monção entre outras.

  

ESPORTES

Rio Preto Ativa” trouxe vídeo-aulas com exercícios físicos propostos por educadores físicos da cidade e região que, durante o período de isolamento social, utilizam a internet como ferramenta de conexão com seus alunos. A série contou com a participação de profissionais como Nayara Pereira, Cleide Monteiro, Marcos roberto, Danielli Garcia, Mauro Lacerda e Ana Manginelli.

 

Acompanhe estes e outros conteúdos nas redes do Sesc Rio Preto: 

sescsp.org.br/riopreto

facebook.com/sescriopreto

instagram.com/sescriopreto

youtube.com/sescriopreto

Outras programações