Sesc SP

Esta atividade faz parte da

Perspectivas - Abordagens sobre temas e questões do campo da cultura, em encontros independentes (Foto: SXC) saiba mais

Curadorias Afro-diaspóricas- Éticas

Neste ciclo partimos do pressuposto de que a pessoa profissional de curadoria que atua, especialmente no escopo das exposições e mostras que articulam os conhecimentos materiais e imateriais que se presentificam na área das artes visuais, relacionando esses objetos e/ou conceitos, com as demais áreas do conhecimento, necessita de conhecimento e envolvimento amplo acerca dos processos históricos que se referem à constituição da nação Brasil.

A racialização e o apontamento de que temos tratado de uma artes visuais branca numa estrutura social e, portanto, de trabalho em artes visuais também branca, é fundamental para que ampliemos a reflexão e o entendimento de que todas/as os/as que não são vistos/as como brancos/as são tidos como exóticos/as, estranhos/as e externos/as ao mercado e sistema de artes visuais.

Com Carolle Lauriano, Jornalista pela UniFieo, artista visual e curadora.

Com Ayrson Heráclito, artista, professor, curador e Ogã, da nação Jeje Mahin.

Com Alexandre Araujo Bispo, Doutor em Antropologia pela USP e curador.

Com Amanda Carneiro, mestre em história social pela USP. Foi educadora e auxiliar de coordenação no Museu Afro Brasil. Curadora assistente no MASP.

Com Claudinei Roberto da Silva, artista visual, professor e curador.

Com Rosana Paulino, doutora em Artes Visuais pela ECA-USP, artista e curadora.

Com Fabiana Lopes, curadora independente de Nova York e São Paulo e é doutora em medicina.

Com Luciara Ribeiro, mestra em História da Arte pela Universidade de Salamanca (Espanha), mestra em História da Arte/UNIFESP.

(Foto: André Ricardo)

Tecnologias e Artes

Curadorias Afro-diaspóricas: Éticas e Estéticas Negras em exposição

Classificação etária: Acima de 16 anos

Sesc Centro de Pesquisa e Formação ver no mapa

15/01 A 05/02

QUA
19H30 ÀS 21H30
  • R$ 15,00
  • R$ 25,00
  • R$ 50,00

*15/1 a 5/2